Conecte-se conosco
 

Macau

Dyana Lira acha que esta acima da Lei

Publicados

em

Dyana Lira acha que esta acima da Lei

Dyana Lira acha que esta acima da Lei: A presidente da Câmara de Macau, vereadora Dyana Lira, difamou o vereador Carlinhos do Valadão durante a sessão remota ocorrida na noite de ontem o acusando de estar embriagado durante a sessão.

A agressão ocorreu quando o vereador Carlinhos discursava alegando que o Estatuto dos Servidores do Município veda a acumulação dos adicionais de insalubridade e periculosidade, ao contrário do proposto pela presidente da Câmara.

Vencida pelo argumento do vereador Carlinhos, a presidente da Câmara partiu para agressão verbal afirmando que o vereador estaria embriagado e que iria pedir para ele se retirar da sessão, esquecendo que a exaltação nos discursos é a coisa mais natural dentro de qualquer parlamento.

A agressão difamatória da vereadora Dyana foi lançada sem que o vereador Carlinhos demonstrasse nenhuma evidência de estar sob efeito de álcool, ao contrário. Seu discurso foi proferido com firmeza, sem nenhuma dificuldade na fala.

Dyana Lira acha que esta acima da Lei

Dyana Lira acha que esta acima da Lei

O que mais chama a atenção é que esse discurso moralista da presidente da Câmara não é utilizado para combater os atos de corrupção dos seus aliados.

Dyana tem como Secretário da Mesa Diretora o vereador Ìtalo Mendonça, acusado de desviar R$ 128 mil da folha de pagamento da prefeitura de Macau. Esse mesmo vereador assina contratos e documentos junto com a Presidente da Câmara.

O líder da sua bancada, vereador Kekel, é acusado de vender cargos da Câmara para agiotas e mesmo assim, segue impune pela presidente da Câmara Municipal que sequer abriu uma investigação.

Quando o vereador Cláudio Gia agrediu outra mulher durante uma sessão, a presidente da Câmara se omitiu e o vereador não foi repreendido por Dyana.

Já Leu? SINDICATOS AGRADECEM AO PREFEITO TÚLIO LEMOS POR SANÇÃO DE LEI QUE BENEFICIA SERVIDORES

Atos de violência contra blogueiro foi praticado dentro da Câmara, estimulado por assessor pago pela Camara e aplaudido por vereadores da bancada de Dyana. Ele nada fez. Foi conivente com atos de agressão e violência praticados dentro da própria câmara.

Nenhum desses atos, graves e que não carecem de comprovação, ao contrário de uma acusação de embriaguez, teve a mesma reprovação da presidente da Câmara. Aliás, mesmo que estivesse sob efeito de álcool, o vereador não estaria cometendo nenhum crime. Mas, na Câmara de Macau, roubar pode. Beber, jamais.

A acusação da Vereadora Dyana é grave, porque além de manchar a honra do vereador, estimula outras pessoas a fazerem o mesmo.

Procurado pelo blog, o vereador Carlinhos afirmou que irá tomar medidas judiciais contra a grave acusação iniciada pela Presidente da Câmara e seguida por outros.

COVID-19

O novo coronavírus – Covid-19 – não escolhe suas vítimas, todos estão sujeitos e suscetíveis ao contágio, por isso siga as orientações da OMS – Organização Mundial da Saúde e do Ministério da Saúde e proteja-se. FIQUE EM CASA!!!

Cuide-se para não se tornar mais uma vítima da Covid-19

Gostou do nosso poster? Então curta nossa pagina no Facebook e fique sempre bem informado: Blog Pendências News

Continue Lendo
Propaganda
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending