Conecte-se conosco
 

Rio Grande do Norte

Ocupação de leitos para Covid-19 chega a 100% no Oeste potiguar

Publicados

em

Ocupação de leitos críticos para tratamento da Covid-19 chega a 100% no Oeste do RN; Grande Natal está 98% lotada

Ocupação de leitos para Covid-19 chega a 100% no Oeste potiguar: A região Oeste Potiguar chegou ao limite de 100% dos leitos ocupados para pacientes com coronavírus na região, a ocupação vem servidinho para paciente com estado críticos de Covid-19 na rede pública. Na capital do estado os números também são bastantes expressivos, uma vez que a cota já chegou a 98% dos leitos ocupados por pacientes. Segundo informações que obtivemos certa de 57 pessoas aguardam um leito de UTI ou UCI com urgência.

As informação são do portal RegulaRN da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) em parceria com o Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde da Universidade Federal (LAIS/UFRN). O site é atualizado a todo momento e pode ser acompanhado em tempo real. Vale lembrar que a consulta foi feita as 11:00 da manhã, podendo sofrer alterações a qualquer momento.

O Rio Grande do Norte atualmente conta com 219 leitos críticos para pacientes com covid-19 no estado.  Os leitos podem ser de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), destinados a pacientes graves, ou de Unidade de Cuidados Intensivos (UCI), que pode ser entendido como um meio-termo entre as etapas de internação e terapia intensiva.

Ocupação de leitos críticos para tratamento da Covid-19 chega a 100% no Oeste do RN; Grande Natal está 98% lotada

Ocupação de leitos para Covid-19 chega a 100% no Oeste potiguar

 

Ainda destacamos que 57 pessoas aguardam por um leito de UTI, outras 61 pessoas esperam por um leito para o tratamento da doença aqui no estado, estes estão com menos complexidade. No geral temos 118 pessoas aguardando leitos no Rio Grande do Norte.

Já Leu? Portaria define multa de R$ 150 para pessoas que descumprirem decreto contra a Covid-19

O estado conta atualmente com apenas 15 leitos disponíveis de UTI, 13 deles estão localizados na região do Serido, na cidade de Caico, e dois leitos em Natal. As vagas vem sendo reguladas conforme protocolos operacionais e obedecem aspectos para a transferência segura em uma ambulância adequada, segundo a Sesap.

Certa de 16% de leitos no estado encontra-se bloqueados no Rio Grande do Norte. Este bloqueio geralmente acontece por vários fatores, monitores ou respiradores,ou pela falta de profissionais para acompanhar os pacientes durante a internação, como também no auxilio na desinfecção dos leitos, pois quando um paciente ganha alta, ou não registe a doença, o leito antes ocupado precisa passar por um processo de desinfectação, para ficar apto a outro paciente que contraiu a doença. Geralmente essa desinfectação pode demora ate uma hora para ser concluída.

Curta nossa pagina no Facebook e fique sempre bem informado: Blog Pendências News

Continue Lendo
Propaganda
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending