Projeto de criação de Algas Marinha em Macau começa a ser implantado em Diogo Lopes.

196
Projeto de criação de Algas Marinha em Macau começa a ser implantado em Diogo Lopes.
Projeto de criação de Algas Marinha em Macau começa a ser implantado em Diogo Lopes.

Projeto de criação de Algas Marinha em Macau começa a ser implantado em Diogo Lopes.  Dentro dos objetivos iniciais em implantar em Macau o projeto de criação de algas marinhas, em escala industrial, o Professor Maulori Cabral, da Universidade Federal do Rio de Janeiro e um dos Coordenadores do ProAlga visitou, na quinta-feira, dia 26, e na segunda-feira, dia 30/12, juntamente com o professor Antonio-Alberto Cortez, Secretário Municipal de Agricultura e Pesca de Macau, o BNB e o Ministério da Agricultura, respectivamente, sendo recepcionados pelos Superintendentes Jorge Bagdêve (BNB) e Roberto Carlos Razera Papa (MAPA). Na pauta, a apresentação das propostas de Desenvolvimento em Bases Sustentáveis a partir do cultivo de Macroalgas, no caso, a espécie Kappaphicus alvarezii.

Considerando o inestimável potencial para as práticas relativas às maricultura no litoral macauense, o Professor Maulori acredita ser real a possibilidade de, nas águas do Município de Macau serem produzidas com sucesso esse recurso algáceo, cujas inúmeras aplicações na indústria alimentar são inegáveis.

Projeto de criação de Algas Marinha em Macau começa a ser implantado em Diogo Lopes.
Projeto de criação de Algas Marinha em Macau começa a ser implantado em Diogo Lopes.

Na próxima sexta-feira, em visita à Diogo Lopes, espera-se definir junto à Colônia de Pescadores Z-41 o espaço para implantação do Projeto Piloto para o Cultivo da KAPPAPHICUS ALVAREZIL, projeto este a ser executado mediante parceria com a empresa Norte Pesca e acompanhamento da UFRN, UFERSA e IF-Macau.

O Município de Macau, por intermédio do Prefeito Túlio Lemos apoia esta iniciativa a partir do convite ao professor Mauroli Cabral para a realização do Workshop da Macroalga, no Teatro de AMA em setembro e outubro de 2019, que mostra o seu contentamento ao afirmar que “os estudos desenvolvidos pelo professor Mauroli nos dá a certeza que o cultivo de algas em Macau acontecerá em breve para gerar emprego e renda para os macauenses.

Prefeitura de Macau paga hoje folha de Dezembro dos Efetivos.

O professor da UFRN e Secretário Municipal de Agricultura e Pesca, Antonio-Alberto Cortez, vem representando o prefeito Túlio Lemos em todas as ocasiões em que se trata a implantação da criação de algas marinhas nas águas salgadas de Macau.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui